Educa News

Pesquisa Juventude Conectada mostra a importância do propósito para os jovens brasileiros

Recentemente, foi divulgado o estudo exploratório Juventude Conectada – Edição Especial Empreendedorismo, realizado em 2017 pela Fundação Telefônica Vivo, em parceria com o IBOPE Inteligência e a Rede Conhecimento Social.

Este estudo foi feito com jovens de 15 a 29 anos, que se mostraram altamente propensos a empreender. Uma grande parcela destes jovens já se coloca como empreendedora, mesmo não tendo um negócio próprio.

A pesquisa mostrou que 60% dos entrevistados acreditam que o empreendedorismo deve ser um propósito de vida. Seja como uma determinada postura ética ou apenas uma forma de realização de um sonho, os jovens buscam trabalhar com algo que acreditam. E o empreendedorismo pode ser um caminho para que isso aconteça.

Além disso, foi possível verificar que, para os jovens, empreender não é apenas administrar o próprio negócio e se relaciona muito mais com a transformação social do que com o fato de ganhar dinheiro.

Também foram levantados os desafios que afastam os jovens do empreendedorismo, como a falta de uma tradição empreendedora no país, burocracia, falta de investimento, pouca informação sobre o tema nas escolas e na mídia. Para reverter este quadro, os jovens identificam a tecnologia digital como uma aliada importante na disseminação da cultura empreendedora.

Confira o estudo na íntegra: http://fundacaotelefonica.org.br/wp-content/uploads/pdfs/Juventude-Conectada-Ed.Empreendedorismo-Fundacao-Telefonica-Vivo.pdf

Compartilhe com seus amigos

Deixe seu comentário